NotíciasÚltimas

Ciro Gomes reafirma apoio a Maneca Dias em SC

Maior da história, convenção estadual do partido mobilizou, em Florianópolis, mais de 600 lideranças 

Santa Catarina fará de Manoel Dias o deputado federal que me ajudará, em Brasília, e mudará o Congresso Nacional”, afirmou Ciro Gomes, candidato a presidente da República, ao ser saudado por mais de 600 lideranças e militantes na Convenção do PDT de Santa Catarina, em Florianópolis, ao coro de “Brasil, pra frente. Ciro presidente”. Maior ato já realizado na história do partido no estado, o ato confirmou Manoel Dias como candidato único a deputado federal, 11 candidaturas na disputa pela vaga na Assembleia Legislativa e Marcelo Sodré como indicação para a chapa de Gelson Merisio (PSD), que teve seu apoio referendado para governador.

foto>Ascom PDT-SC, divulgação

“Meu comprometimento é com os mais pobres e trabalhadores nessa luta para virar esse jogo e mudar o Brasil”, garantiu Ciro Gomes, que também representou Carlos Lupi, presidente nacional do PDT, no evento simbólico de início da sua trajetória de candidato após a convenção nacional, em Brasília.

“Eu tenho muito orgulho, alegria e prazer de ter como primeiro ato da minha campanha, já homologado como candidato a presidente do Brasil pelo PDT ao lado do mais querido dos nossos militantes, que é o companheiro Manoel Dias, na nossa querida Santa Catarina”, valorizou o pedetista, que citou o legado de Leonel Brizola e Doutel de Andrade.

“Mais que tudo, hoje, eu venho lhes pedir pela joia do PDT, que soma uma história de líder dos mineradores, sindicalista forte que pagou o preço que não devia pagar pela fidelidade às causas dos mais pobres e que lutou para construir um país democrático e soberano, homem de confiança de Leonel Brizola, acumulou experiência e, ao mesmo tempo, tem uma jovialidade que rivaliza comigo.

No processo de pontuar a importância da conscientização do povo para a relevância do parlamento, que, segundo ele, representa, na prática, a via para resolver as grandes questões nacional, Ciro reafirmou a determinação de eleger aliados qualificados e comprometidos com o seu projeto de desenvolvimento nacional.

Sobre sua postura incisiva para defender o patrimônio nacional e o futuro da nação, o ex-governador do Ceará ratificou que não se sente intimidado ao enfrentar os grandes interesses das oligarquias.

“Quando eu anuncio que vou tomar a Embraer de volta, desapropriar os campos de petróleo entregue aos estrangeiros, revogar as perversões de uma reforma trabalhista que nos devolveu ao século XIX, acredite, meus companheiros, eu sou o cabra marcado para morrer. Deus me poupou do sentimento do medo, mas eu tenho prudência”, relatou. “Meu comprometimento é com os mais pobres e trabalhadores nessa luta para virar esse jogo e mudar o Brasil”, acrescentou.

Emocionado ao falar de Doutel de Andrade ao citar o lançamento da cartilha em sua homenagem, presidente de honra da sigla catarinense, Manoel Dias indicou que a união da sigla é única e demonstra que impulsionará toda a chapa para as conquistas nas eleições de outubro, que dará sustentação para um projeto de desenvolvimento local e nacional.

”Nós conquistaremos as vitórias tão necessárias a partir do apoio e dedicação de cada um de vocês, que fazem a diferença no seu bairro, cidade, escola, trabalho e em tantos outros momentos que as bandeiras pedetistas mostram seu valor diferenciado”, afirmou.

“Eu quero ser deputado para ser a voz do Ciro no Congresso a partir de uma bancada que lhe dê respaldo para fazer as efetivas e profundas reformas que o país tanto precisa, bem como mudar o que está aí, combater as injustiças, contra os privilégios”, ao exaltar a presença dos trabalhadores e sindicalistas de cada região do estado, que não aceitarão a manutenção de parlamentares que promoveram traições ao votar a favor da reforma trabalhista.

Sobre Ciro, Dias reafirmou a relevância da candidatura do pedetista no atual momento nacional e toda sua capacidade e preparação. “Santa Catarina não faltará contigo, pois você representa a esperança não só dos catarinenses, mas de todos os brasileiros na perspectiva de resgatar a dignidade, a honestidade e zelo pela coisa pública, além de projetar o país, que é uma potência natural”, afirmou, ao completar: “Para isso, a não precisa de gestores honestos, com propostas para resgatar e entregar para a maioria da população, que está excluída, o poder e a riqueza nacional.”

Candidaturas

Além de Manoel Dias para deputado federal e Marcelo Sodré para compor a chapa majoritária de Gelson Merisio, o diretório estadual confirmou as candidaturas dos seguintes candidatos a deputado estadual: Rodrigo Minotto, que busca a reeleição; Paulinha, Jatir Balbinot; Rodrigo Bornholdt; Reni Bargoza; Sargento Daminani; Professor Rosso; Jeferson Petry e Roberto da Luz.