Blog do Prisco
Destaques

“2017 é o ano para superar a crise”, defende Colombo

As vitórias do Governo do Estado em 2016 e os desafios de 2017 foram abordados pelo governador Raimundo Colombo e pelo vice Eduardo Pinho Moreira na primeira reunião do colegiado pleno deste ano, realizada na noite desta terça-feira, 10, na Casa d’Agronômica, em Florianópolis. Secretários de Estado e presidentes de empresas estatais acompanharam a reunião.

“A mensagem que passamos é de coragem e ânimo para enfrentar 2017, que vai ser mais um ano difícil. O nosso papel, nossa missão principal é continuar produzindo, gerar emprego, proteger e promover as pessoas, fazer com que nossos serviços públicos funcionem com absoluta qualidade”, destacou Colombo.

O vice Eduardo Pinho Moreira reforçou a importância de promover cada vez mais a integração e o trabalho de equipe envolvendo todas as secretarias. “Todos nós temos o mesmo objetivo em comum, que é promover Santa Catarina”, acrescentou.

raimundo-colombo-colegiado

ARRECADAÇÃO BAIXA

O governador Colombo lembrou que 2016 foi um ano bastante difícil, com arrecadação em baixa, inflação em alta e economia retraída. Mas, mesmo assim, Santa Catarina terminou o ano com as contas equilibradas, com investimentos em andamento e sem aumentar impostos. Entre os fatores que contribuíram para o resultado, Colombo apontou o rigor na gestão dos gastos públicos, a renegociação da dívida do Estado com a União e a reforma da previdência catarinense, lembrando que nesta última foi necessário o fundamental apoio do poder legislativo de Santa Catarina.

“Em 2017, todo esse esforço tem que continuar, principalmente no primeiro semestre. Estamos tendo uma boa temporada de verão e isso nos ajuda muito, a safra também está boa e as exportações estão fortalecendo a economia, mas teremos momentos duros pela frente. Diante disso, nosso papel é se organizar para enfrentar a crise, superar e vencer os desafios”, afirmou Colombo.

O governador convocou todo o secretariado para um novo encontro na primeira semana de fevereiro. “Vamos aprovar todo o planejamento do ano, ver o que pode melhorar no nosso trabalho, onde podemos fazer mais investimentos e sobretudo como melhorar ainda mais nossos serviços, sejam eles de segurança pública, de saúde, de educação. Enfim, como melhorar cada vez mais nossas ações de governo”, explicou.

Colombo fechou o encontro destacando a importância de que sejam feitas reformas econômicas e políticas no cenário nacional. “É preciso olhar para o Brasil do futuro e fazer as mudanças com a responsabilidade necessária. 2017 é o ano para superar a crise. O sentimento que precisa ser jogado no lixo é o da covardia. O Brasil precisa de reformas urgentes e nós temos que ajudar a construí-las. Se fizermos nosso dever de casa, temos condições de fazer um ano melhor do que 2016, mantendo e melhorando os nossos serviços”, ressaltou.

Foto>Cláudio Thomas, Secom

Posts relacionados

Economistas brasileiros reúnem-se em Florianópolis

Redação

Queda-de-braço entre Colombo e Merísio

Autor

Fernando Carioni eleito para desembargador do TRE-SC

Redação