Blog do Prisco
Notícias Últimas

Alesc une-se aos poderes do estado com o objetivo de zerar a fila de espera para cirurgias eletivas

“Alternativas para zerar as filas das cirurgias eletivas, exames e consultas, que superam os 200 mil pacientes, precisam ser construídas. Nesse contexto, a Alesc tem papel muito importante: o de dar aporte, solicitar estrutura e cobrar celeridade nas ações desenvolvidas pela Secretaria Estadual de Saúde”, diz deputado estadual Jair Miotto (União Brasil).

A Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina (Alesc) irá se unir ao Governo do Estado, Bancada Federal, Poder Judiciário, Ministério Público e ao Tribunal de Contas com a finalidade de construir medidas para mudar o cenário atual referente a fila de espera para cirurgias eletivas, exames e consultas, que superam os 200 mil pacientes em Santa Catarina. De acordo com números oficiais do Governo do Estado, com base no Sistema de Regulação Estadual (SISREG), atualmente, o estado possui 105 mil pacientes em fila de espera para cirurgias eletivas e 117 mil pacientes aguardando consultas com a especialidade cirúrgica.

Ações voltadas para a melhoria da qualidade da saúde no estado sempre estiveram entre as prioridades no mandado do deputado estadual Jair Miotto. “Na primeira legislatura muito fizemos, destinando recursos para hospitais e dando suporte para que a saúde de Santa Catarina viesse superar a pandemia da Covid-19. Nesta segunda legislatura, a saúde continua sendo nossa prioridade. Neste momento, o foco maior é a realização de cirurgias eletivas, consultas e exames”, destaca o deputado.

O parlamentar parabenizou a iniciativa da Assembleia Legislativa, do Governo do Estado e dos demais órgãos envolvidos que repassaram recursos para viabilizar mutirões de cirurgias. “A Alesc, por exemplo, repassou R$ 12 milhões de seu orçamento para a iniciativa. Nosso papel, agora, é cobrar celeridade e estrutura para que os procedimentos sejam realizados”, destaca o deputado.

 

R$ 80 MILHÕES EM RECURSOS DOS PODERES PARA REALIZAÇÃO DE MUTIRÕES

Assembleia Legislativa de SC: R$ 12 milhões

Bancada Federal de SC: R$ 50 milhões

Tribunal de Justiça de SC: R$ 6 milhões

Tribunal de Contas de SC: R$ 6 milhões

Ministério Público de SC: R$ 6 milhões

 

Já o Governo do Estado deverá aplicar, em 2023, R$ 235 mil no Programa Estadual de Cirurgias Eletivas – Fila Zero. O programa foi apresentado na última segunda-feira, dia 6 de fevereiro, com a meta de zerar, em até seis meses, a lista de espera por procedimentos cirúrgicos na rede pública de saúde de Santa Catarina. Estão incluídas no programa também as pessoas que aguardam por consultas cirúrgicas, exames e diagnósticos, assegurando atendimento prioritário aos pacientes oncológicos. Mais de 225 mil catarinenses serão diretamente beneficiados.

Hoje, a capacidade dos hospitais sob gestão estadual (91 contratos) é de 21 mil cirurgias eletivas/mês. As demandas mais reprimidas estão relacionadas a ortopedia, cirurgia geral e geniturinário: joelho, quadril, ombro e coluna; aparelho digestivo: vesícula e vias biliares, hérnias, gastroplastias; histerectomias, vasectomias, laqueaduras e cálculos renais; varizes, angioplastias e ablações.

 

ACOMPANHE O ANDAMENTO DO SEU PEDIDO

É importante que o cidadão confira se foi incluso na fila de espera para realizar a cirurgia eletiva. O procedimento inicia no posto de saúde que fará o cadastramento do paciente junto ao SISREG. O pedido será analisado de forma criteriosa e, se aprovado, o cidadão será incluído na fila de espera.

“A unidade de saúde lhe manterá informado. Mas, procure confirmar se o seu pedido de cirurgia ou exame foram inseridos corretamente no SISREG. Para isso, dirija-se ao posto de saúde do seu bairro, levando o cartão do Sistema Único de Saúde (SUS). No local, o cidadão poderá certificar-se se o posto de saúde realizou o cadastramento e qual sua posição na fila de espera. Caso tenha alguma dificuldade no repasse de informações, dirija-se a Secretaria de Saúde do seu município para esclarecimentos”, orienta o deputado estadual Jair Miotto.

Posts relacionados

Sintonia

Redação

Carlos Humberto recebe título da Câmara de Vereadores de Balneário Camboriú

Redação

Soratto integra comitiva catarinense que vai a Portugal em busca de parcerias e investimentos para SC

Redação