Blog do Prisco
Destaques

Auditores da Receita Federal participam de capacitação voltada ao combate à corrupção

Programação é oferecida pela Rede de Controle da Gestão Pública de Santa Catarina e contará com palestras de Sérgio Savaris (Receita Federal) e Roberto Leonel (COAF)

O combate à corrupção e à lavagem de dinheiro estão entre os temas centrais de capacitação que reúne auditores fiscais da Receita Federal e também promotores, delegados, auditores externos e servidores do Judiciário entre terça e sexta-feira (25 a 28 de junho), na Capital. A programação é oferecida pela Rede de Controle da Gestão Pública de Santa Catarina, que congrega 21 instituições públicas federais e estaduais que atuam em diferentes níveis de controle e fiscalização de bens e recursos públicos. A expectativa dos organizadores é de contar com a participação de cerca de 220 técnicos de 25 órgãos de controle nos quatro dias de treinamento. A capacitação ocorre no auditório da Justiça Federal.

Um dos destaques da programação é a participação do auditor fiscal Sérgio Savaris, que hoje está à frente das operações da Coordenação-Geral de Fiscalização (COFIS) da Receita Federal do Brasil. A palestra dele – “Dinheiro em espécie e transações patrimoniais: aspectos relacionados à lavagem de dinheiro” – ocorre na manhã de quinta-feira (27). “A capacitação proporcionada pela Rede de Controle é uma grande oportunidade para que os profissionais das diferentes instituições possam compartilhar informações sobre o andamento dos trabalhos e até mesmo planejar ações futuras conjuntamente”, explica a auditora fiscal da Receita Federal Roseli Fabrin, que também é uma das diretoras do Sindifisco Nacional/Delegacia Sindical Florianópolis e que integra a Rede de Controle.

Outra presença já confirmada é a do presidente do COAF (Conselho de Controle de Atividades Financeiras), Roberto Leonel de Oliveira Lima, que estará na Capital na sexta-feira (28) para falar sobre “Inteligência Financeira” e compartilhar com os auditores e outros profissionais como o conselho vem atuando na prevenção, detecção e repressão à corrupção e lavagem de dinheiro.

REDE DE CONTROLE DA GESTÃO PÚBLICA – Criada em Santa Catarina em 2010 com o objetivo de desenvolver ações direcionadas à fiscalização, incentivo ao controle social, diagnóstico e combate à corrupção, a Rede de Controle da Gestão Pública conta com a participação de 21 instituições federais e estaduais com sede em Santa Catarina. Entre as ações do grupo também está a de compartilhar informações e experiências e proporcionar a capacitação dos respectivos quadros – os profissionais atuam voluntariamente no grupo e no desenvolvimento de ações conjuntas. Os auditores fiscais da Delegacia da Receita Federal em Florianópolis integram os trabalhos. Outras instituições também participam do grupo. Confira a lista completa:

INSTITUIÇÕES QUE INTEGRAM A REDE DE CONTROLE DA GESTÃO PÚBLICA EM SC

1. Advocacia Geral da União – Procuradoria da União no Estado de Santa Catarina
2. Agência Nacional de Transportes Aquaviários – Unidade Regional Florianópolis
3. Associação Nacional do Ministério Público de Contas – AMPCON
4. Associação Nacional dos Ministros e Conselheiros Substitutos dos Tribunais de Contas – AUDICON
5. Caixa Econômica Federal – Superintendência Regional Florianópolis
6. Conselho Regional de Administração de Santa Catarina
7. Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Santa Catarina
8. Conselho Regional de Contabilidade de Santa Catarina
9. Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Santa Catarina
10. Controladoria-Geral da União/Controladoria-Regional da União no Estado de SC
11. Controladoria-Geral do Estado de SC (CGE/SC)
12. Ministério da Fazenda – Delegacia da Receita Federal do Brasil em Florianópolis
13. Ministério Público do Estado de Santa Catarina
14. Ministério Público Federal – Procuradoria da República em Santa Catarina
15. Ministério Público junto ao TCE/SC
16. Procuradoria Geral da Fazenda Nacional – Procuradoria Federal em Santa Catarina
17. Secretaria de Estado da Segurança Pública, por meio da Polícia Civil e da DEIC
18. Superintendência da Polícia Rodoviária Federal em Santa Catarina
19. Superintendência Regional do Departamento da Polícia Federal em Santa Catarina
20. Tribunal de Contas da União – SECEX/SC
21. Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina

Posts relacionados

Ricardo Fabris assume Prefeitura de Criciúma

Redação

Decreto aumenta prazo de pagamento do ICMS a empresas atingidas por tornados no Oeste

Autor

Vampiro é o novo líder do MDB na Assembleia

Autor