Blog do Prisco
Coluna do dia

Coluna do dia

Bornhausen avalia candidatura em Itajaí

Para o ex-senador Jorge Konder Bornhausen, seu filho, Paulo Bornhausen, deveria deixar a política definitivamente, dedicando-se à vida empresarial. O herdeiro do tradicional clã político, no entanto, segue focado na possibilidade de disputar a prefeitura de Itajaí – maior PIB do Estado – no ano que vem. Ele vem fazendo movimentos estratégicos aos poucos, observando atentamente a evolução do quadro e desdobrando-se em agendas na cidade portuária, mas também em Florianópolis.

O projeto de Paulinho só será levado a cabo se ele assegurar o apoio do PSD e do prefeito Jandir Bellini (PP) no município. Projeção que pode ser reforçada pelo anúncio da fusão entre PSB, pilotado por Bornhausen em SC, e PPS, cuja presidente é a deputada federal  Carmen Zanotto.  Somados, os dois partidos contarão com três governadores, 45 deputados federais, 588 prefeitos, 92 deputados estaduais e 5.831 vereadores. Também terão em seus quadros sete senadores, número que pode subir a nove com as chegadas de Lúcia Vânia e Marta Suplicy. No Estado, teria três deputados estaduais, além da própria Carmen na Câmara Federal.

 

Encontro preparatório

Todos os presidentes estaduais do PSB foram convocados pela direção nacional para reunião em Brasília, na próxima terça-feira. Em pauta, as orientações para a fusão com o PPS. Tudo indica que Paulinho aproveitará a oportunidade para engatar a primeira reunião com Carmen Zanotto, já buscando uma sintonia entre os dois em SC. A grande incógnita recai sobre quem vai comandar a nova legenda por aqui.

 

Estocada

As duras críticas que Raimundo Colombo dirigiu ao secretário regional de Criciúma, João Fábris, na presença de oito deputados da região Sul, têm endereço certo: Eduardo Pinho Moreira. Consta que o titular da SDR é umbilicalmente ligado ao vice-governador, por isso, não deve entregar o cargo imediatamente. Neste contexto, Colombo vai avaliar qual o encaminhamento adequado.

 

PDT contra

O PDT votou em massa contra a primeira Medida Provisória do arrocho fiscal do governo. Resta saber se esse posicionamento foi pontual, levando-se em consideração o histórico do partido (ligado ao trabalhismo) ou se foi um movimento indicando que a legenda vai para a oposição.

 

A posição de Maneca

Evidentemente que se o PDT for para a oposição, a posição do catarinense Manoel Maneca Dias no Ministério do Trabalho fica muito fragilizada. O Palácio do Planalto vai monitorar os movimentos do PDT no Congresso e medir qual o tamanho da ascendência do ministro sobre a bancada. Se Maneca entrar no circuito e segurar o PDT na base aliada, ele vai se fortalecer. Até porque, mantém boa interlocução com Dilma Rouseff, que o conhece há mais de 30 anos.

 

Certidão on line

O TCE está disponibilizando mais um serviço on line, desta vez voltado às pessoas jurídicas. A partir de maio, já é possível obter Certidão Negativa de Débito pelo Portal da corte de contas (www.tce.sc.gov.br). Basta clicar na barra de Serviços Online, no rodapé da página principal, em Certidões. Essa nova funcionalidade tem o objetivo de agilizar e facilitar o acesso a certidões relacionadas às deliberações do Pleno que tiveram débitos imputados ou multas aplicadas.

Posts relacionados

Solto, mas longe da prefeitura

Autor

Estreia na TV

Autor

Chega de privilégios!

Autor