Blog do Prisco
Coluna do dia

Crise aumenta

À medida que os casos confirmados de Coronavírus no país vão aumentando, os impactos gerais e no cotidiano das pessoas também crescem.

Até o fechamento da edição, mais de 300 casos haviam sido diagnosticados no território nacional.

A sociedade, aos poucos, foi se mobilizando, paralisando atividades e se adaptando a uma realidade até então só possível nos filmes de Hollywood.

Resta saber se as medidas estão no tempo certo para evitar uma crise e mortandade ainda maior – também ontem registrou-se a primeira morte no Brasil pela infecção – ou se já perdemos o timing, como ocorreu na Europa.

O fato é que as perspectivas, por ora, são de aprofundamento do quadro. Esta semana escolas, repartições públicas, entidades e associações suspenderam, em sua  maioria, as atividades. Assim como algumas empresas, onde a paralisia deve se tornar uma realidade mais profunda na próxima semana.

 

Estado

 

Em Santa Catarina, a rede pública estadual vai suspender as aulas. Decisão tomada na segunda-feira à tarde, depois de  muitas avaliações. A mudança na rotina das pessoas é  enorme, pois muitos pais ainda estão trabalhando fora. Sem contar a questão da merenda. Muitas crianças dependem do alimento nos educandários como parte fundamental de seu sustento.

 

Reação

 

O ministro Paulo Guedes (Economia) anunciou que o governo federal pretende injetar R$ 147 bilhões na economia para enfrentar a crise.

Entre benefícios à população mais carente, aos idosos, socorro à micro e pequenas empresas e manutenção de empregos, haverá prorrogação no prazo para pagamento de impostos e depósito do FGTS, por exemplo. Vamos torcer para que as coisas caminhem conforme o planejado e surtam efeito o mais rapidamente possível. Uma parte dos recursos vai a Saúde neste momento de guerra.

 

Pilar

 

Em meio a essa situação toda, vale registrar, conforme já anotado neste espaço, que temos um ministro da Saúde competente, experiente e habilidoso. Trata-se do deputado federal Luiz Henrique Mandetta.

Não poderia estar no cargo em melhor hora.

 

Paralisia

 

A Assembleia Legislativa estava praticamente parada ontem. Quadro impensável até então para uma terça-feira. Sem sessões, sem comissões permanentes, com eventos suspensos e com a restrição de acesso para pessoas de fora, funcionários cumpriram expediente, mas alguns deputados já determinaram que a maioria fique em casa, no sistema home office.

 

Derrapada

 

O Congresso Nacional também cancelou sessões. Mas a decisão só anunciada ontem, quando deputados e senadores estavam em Brasília. Davi Alcolumbre e Rodrigo Maia devem estar de brincadeira em um momento tão delicado!

 

Contramão

 

Presidente Jair Bolsonaro segue surpreendendo em uma hora que toda a serenidade e bom senso são mais do que necessários.

Sobre a pandemia, ele se manifestou novamente. Disse, em canais diferentes, que a questão que está paralisando o mundo, é superdimensionada e que há certa “histeria” acerca do tema. Sem comentários.

 

Baque

 

Sob a perspectiva do crescimento econômico mundial, o cenário é dos mais sombrios. Donald Trump, por exemplo, já admitiu que pode haver encolhimento, recessão no maior PIB do planeta. Obviamente que o Brasil será duramente atingido. Em que proporção, ainda é difícil de se prever.

Posts relacionados

Vale tudo

Autor

Tibieza política

Autor

Projeto emperrado

Autor