Blog do Prisco
Manchete

Fecomércio: “oposição entre salários e benefícios é irresponsável”

Segue a manifestação do presidente da Fecomércio, Bruno Breithaupt, acerca das declarações do secretário da Fazenda de SC, Paulo Eli, ao blogueiro durante o SBT Meio Dia de terça-feira. O Cofem, entidade que reúne as federações patronais, está preparando material, na mesma linha, para ser distribuído nesta sexta-feira, 15. Confira:

“Esta oposição entre salários dos servidores e benefícios fiscais, patrocinada pelo Secretário da Fazenda Paulo Eli, é irresponsável. O secretario confunde a opinião pública falando em desoneração, renúncia e benefício fiscal como se fossem a mesma coisa. Segundo ele, com o fim das renúncias o Estado teria R$ 6 bilhões em caixa. Mas ele mesmo fez um alerta: há a boa e a má renúncia. Se há benefício, foi o próprio Estado que concedeu. Assim que foram estabelecidas as contrapartidas, cabe ao Governo fiscalizar e punir se não for cumprido.O Estado precisa de transparência e maturidade na sua gestão, conforme aponta o governador Moisés, mas ao fazer uma denúncia infundada, generalizando o estigma da sonegação a toda a cadeia produtiva, Paulo Eli mostra que não está em sintonia com o Governador que prometeu um olhar para o futuro.”

 

 

Posts relacionados

Merisio a Kassab: PSD-SC continua forte

Redação

Depois de Joinville e Chapecó, Júlio Garcia segue estadualizando o nome

Redação

Prefeitos do MDB-SC criticam governo estadual e preparam propostas

Redação