Blog do Prisco
Manchete

Foco errado

Nesta quinta-feira, nova reunião e rodada de depoimentos  na CPI dos Respiradores, na Alesc. Na terça, os deputados ouviram servidores públicos e empresários. Que praticamente não acrescentaram nada ao processo investigativo.
Está faltando foco aos parlamentares. A CPI foi constituída para averiguar a escandalosa compra de 200 respiradores por R$ 33 milhões, com dispensa de licitação e sem qualquer garantia.
Esse é o objeto da comissão. Mas na terça, por exemplo, foram convidadas pessoas que estiveram ligadas ao empreendimento, natimorto, do hospital de campanha em Itajaí.
Essa condução já está gerando contrariedades no âmbito do colegiado investigativo. Os dois emedebistas da CPI, Valdir Cobalchini e Moacir Sopelsa, manifestaram irritação ante os erros básicos que estão sendo cometidos.

Abreviatura
Também porque o objetivo não é prolongar os trabalhos e sim abreviar. A sociedade quer respostas e punições o mais rapidamente possível.

Acareação
Urge que as figuras centrais deste processo sejam ouvidas. Isso deve acontecer na semana que vem, mas a anunciada acareação entre os ex-secretários Douglas Borba (Casa Civil), Helton Zeferino (Saúde) e Márcia Pauli (afastada da gerência de compras da Saúde) pode nem ocorrer.
Eles serão ouvidos individualmente e, se houver necessidade, serão colocados frente a frente.

Controladores
Outros dois que precisam comparecer rapidamente são o controlador geral do Estado e a secretária de governança. As duas pastas, aliás, foram criadas no atual governo justamente para aperfeiçoar os controles internos do Centro Administrativo.
Sem isso, a CPI tem tudo para cair em descrédito por falta de objetividade e falta de foco.

Linha de tiro
O deputado estadual Milton Hobus (PSD) fez graves denúncias ontem contra o atual secretário da Saúde, André Motta Ribeiro, e protocolou requerimento solicitando o afastamento dele. Segundo o parlamentar, o chefe da pasta, que era secretário-adjunto até o início do mês, sabia das irregularidades na compra dos respiradores.

Foi avisado
Hobus mostrou documento enviado à Secretaria de Saúde, em 2 de abril, da Exxomed, representante da fabricante chinesa que produz os respiradores comprados pelo Estado por meio da Veigamed. A empresa destaca que a Veigamed não tem autorização para venda ou comercialização e que os preços pagos por Santa Catarina estão mais altos.

São José
Segredo guardado a sete chaves, a indicação do vereador Orvino Coelho de Ávila para disputar a prefeitura de São José no pleito deste ano pelo PSD deve ser confirmada até o final de semana. A experiência do parlamentar é apontada como um diferencial para a disputa, que não poderá contar com a atual prefeita, Adeliana Dal Pont, em função de ela estar completando o segundo mandando.

Manda Brasa
Orvino é nome que deve ser apresentado também para o MDB para uma possível composição que reflita a afinidade existente entre os partidos e que tem garantido o apoio à prefeita na Câmara. O vereador ainda é considerado forte entre os empresários, o que também o cacifa para a disputa.

Rio do Sul
O presidente da Federação dos Hospitais de Santa Catarina, Giovani Nascimento, comunicou durante Assembleia da entidade, o afastamento temporário do cargo de presidente da Fehoesc, a partir do dia 28 de maio.  Nascimento colocará o nome para aprovação na convenção do Partido Progressista-PP, com intuito de disputar cargo eletivo para prefeito no pleito majoritário 2020, em Rio do Sul.

Posts relacionados

Faesc: governador ofende milhares de catarinenses

Redação

Devagar com o andor!

Redação

Executivo e Legislativo

Redação