Blog do Prisco
Notícias

Governadores do Sul lançam BRDE Municípios

Os governadores Beto Richa, do Paraná, Raimundo Colombo, de Santa Catarina, e José Ivo Sartori, do Rio Grande do Sul, lançam nesta quarta-feira (7), no Palácio Iguaçu, sede do governo paranaense, o programa BRDE Mais
Municípios.
O anúncio será feito durante reunião do Conselho de Desenvolvimento Sul (Codesul), no Palácio Iguaçu, também com a presença do governador do Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja. O programa vai financiarprojetos de investimento nos municípios dos três estados do Sul.
Os governadores, o presidente do BRDE, Neuto de Conto, demais diretores do banco, secretários e conselheiros do Codesul terão uma reunião reservada, antes do anúncio do novo programa. Em seguida, anunciam o BRDE Municípios e depois conversam com a imprensa.
O novo programa disponibilizará suporte técnico, financeiro e toda expertise do BRDE para viabilizar projetos de Desenvolvimento Institucional Saneamento e Mobilidade Urbana e Infraestrutura Econômica, Social e Turística, Urbana e Rural. A cota de cada estado para financiamento é de R$ 150 milhões.

SAIBA MAIS SOBRE O BRDE MUNICÍPIOS
Para contribuir ainda mais com o desenvolvimento da Região Sul, o BRDE criou o programa BRDE Municípios. Cidades de todos os tamanhos ganham mais capacidade para investir em projetos que melhorem a qualidade de vida da população.
O programa tem três eixos principais de financiamento:
1. Saneamento e Mobilidade Urbana: drenagem urbana, tratamentos de resíduos sólidos e líquidos, pavimentação, iluminação pública, ciclovia, entre outros.
2. Infraestrutura social, urbana e rural: escolas, postos de saúde, centros comunitários, melhorias em estradas vicinais, distritos industriais, infraestrutura turística, entre outros.
3. Desenvolvimento Institucional: qualificação, modernização de processos e sistema, entre outros.

NÚMEROS DO BRDE

O BRDE fechou o primeiro semestre de 2015 com R$ 1,85 bilhão em contratações, valor 56,7% maior em relação ao mesmo período de 2014. O valor corresponde a 4.629 operações de crédito de janeiro a junho, um aumento de 32,11%, comparado aos primeiros seis meses do ano passado.

Foram liberados no primeiro semestre R$ 1,52 bilhão, recursos que vão viabilizar R$ 2,7 bilhões em investimentos na Região Sul, com a geração ou manutenção de mais de 24 mil postos de trabalho. Com esses investimentos, a estimativa é gerar uma receita adicional de ICMS para o PR, SC e RS de R$ 407 milhões por ano.

São 34 mil clientes ativos. Foram financiados projetos e empreendimentos em 1.062 cidades da Região Sul no 1º semestre (quase 90% dos municípios). Para fechar o ano, o BRDE prevê atingir R$ 3,3 bilhões em novas operações de crédito.