Blog do Prisco
Coluna do dia

Imersão

Deputado Gelson Merisio está na Espanha desde segunda-feira e ficará por lá a semana inteira. No país europeu, ele fará a chamada imersão, que nada mais é do que um intensivo com especialistas de primeira linha em comunicação. Trata-se do mesmo processo pelo qual passou Raimundo Colombo em 2010, ano em que disputou e venceu a eleição para governador.

É mais um sinal de que Merisio não está para brincadeira. Muito pelo contrário. Está no páreo sucessório e mergulha a cada dia mais no projeto majoritário com vistas a 2018. A nova etapa de preparação do pessedista também reforça o real teor da visita ao gabinete do prefeito de Joinville, Udo Döhler. Foi apenas um contato entre dois possíveis protagonistas no jogo sucessório estadual. A agenda no Norte nada teve a ver com a possibilidade de Merisio jogar a toalha, conforme interpretação de muitos personagens do universo político Barriga-Verde. Outro detalhe: o deputado viajou à Espanha acompanhado do secretário da Fazenda, Antonio Gavazzoni, que é seu cunhado. Mas que também é homem da mais absoluta confiança do governador. Claramente, Raimundo Colombo demonstra que continua apostando no projeto de Merisio e no projeto solo do PSD.

 

Novos desembargadores

Governador Raimundo Colombo nomeou, na tarde desta segunda-feira, o advogado Alex Santore como novo desembargador. Ele entra pelo dispositivo conhecido como quinto constitucional, que permite à OAB indicar uma lista sêxtupla ao Tribunal de Justiça, que elege três nomes. Colombo escolheu Santore. Já o pleno do Tribunal de Justiça, em sessão extraordinária, esta semana,  promoveu seis Juízes de Direito ao cargo de desembargadores.

 

Sexteto

Foram promovidos os juízes Hélio do Valle Pereira, Nelson Maia Peixoto, Eduardo Mattos Gallo Júnior, Gerson Cherem II, Dinart Francisco Machado e Rosane Portella Wolff.

 

Convicto

Juiz Sérgio Moro já firmou convicção sobre o caso do tríplex e a suspeita de que o guru do esquerdismo do Sul do Mundo teria recebido um tríplex de frente para o mar, em uma praia nobre, como resultado de propina por favorecer a OAS em contratos com a Petobras. Pelo menos é o que transparece da mais recente decisão do magistrado.

 

Nada disso

Ele negou os pedidos da defesa e do MPF para a oitiva de mais testemunhas. Na petição daqueles que defendem Lula da Silva, identificou mais uma tentativa de embarrigar o processo (novidade zero aí). E na solicitação do MPF, excesso de zelo. Eis o resumo dos últimos movimentos. A decisão do magistrado foi publicada no Diário da Justiça desta segunda.

 

Articulada

Ex-deputada Simone Scheramm, educadora por formação e atualmente secretária executiva da Agência de Desenvolvimento Regional de Joinville, tomou posse, ontem, no Conselho Estadual de Educação.

 

Universalidade

Deputados da base estão na expectativa sobre o valor que caberá a cada um indicar dentro da nova edição do Fundam, que pretende distribuir até R$ 700 milhões aos municípios catarinenses. Há quem espere no mínimo uma cota em torno de R$ 6 milhões, o que faria muito prefeito rasgar o sorriso com a possibilidade de execução de obras e ações emergenciais.

 

Aportou

Aliás, o projeto de lei que cria o Fundam 2 e regulamenta a distribuição dos recursos já chegou na Assembleia Legislativa.

Posts relacionados

Relação familiar e política

Autor

Placar apertado

Autor

Terra arrasada

Autor