Blog do Prisco
Notícias Últimas

Indulto de Natal registra evasão de 3,5% neste ano

O Departamento de Administração Prisional (DEAP) de Santa Catarina registrou o melhor índice, desde 2011, de retorno às unidades prisionais dos apenados que tiveram o benefício da saída temporária no fim do ano de 2016. Dos 1.835 presos que saíram 65 não retornaram, o que corresponde a uma taxa de evasão de 3,5%.
Para o diretor do DEAP, Deiveison Batista, o bom índice está relacionado aos avanços comportamentais conquistados em razão da oferta de atividades laborais dentro das unidades prisionais do estado. “Quando o apenado tem a oportunidade de um trabalho e está sendo ressocializado, fica muito mais difícil voltar ao mundo da criminalidade”, avalia

Posts relacionados

Fazenda apura R$ 167 milhões em sonegação

Autor

Governador entrega equipamentos agrícolas para 65 municípios catarinenses

Redação

Para o senador Paulo Bauer, PSDB está fortalecido

Autor