Blog do Prisco
Image default
Coluna do dia

Merisio em Joinville de olho em 2020

O ex-deputado Gelson Merisio tem sido visto com grande frequência em Joinville. O pessedista foi muito bem votado no maior colégio eleitoral de Santa Catarina, fazendo mais de 70  mil votos nos dois turnos. No primeiro, conquistou 76 mil votos.

O pessedista tem circulado no meio empresarial. A interlocutores, Merisio revelou que pensa em dedicar uns dois dias por semana a Joinville. Além disso, ele vai retomar a caminhada pelo Estado. Merisio é presidente estadual do PSD e vai atuar para preservar o patrimônio eleitoral de mais de 1 milhão de votos. A eleição para o diretório estadual do partido é em agosto.

Ganhando desenvoltura na cidade do Norte, Gelson Merisio pode influenciar no processo eleitoral de 2020. O PSD tem candidato natural. É o deputado federal Darci de Matos. O parlamentar, a seu turno, pode ser convencido a completar o mandato e abrir espaço para que Merisio lance um empresário como candidato a prefeito de Joinville.

 

Udo apoia

O MDB já tem pré-candidato. O prefeito Udo Döhler não poderá candidatar-se. Apostou todas as fichas e ajudou a eleger o deputado estadual Fernando Krelling. O parlamentar é o nome do Manda Brasa para Joinville em 2020.

 

Perda

O jornalismo brasileiro perdeu uma grande referência com a morte trágica de Ricardo Boechat. Premiadíssimo, ele vivia o jornalismo, a notícia, a informação. Simples e humilde, tornou-se uma figura querida tanto do público quanto dos colegas. Boechat sempre foi destemido, enfático e deu um novo viés ao comentarismo político na TV e mais recentemente no rádio.

 

Marcou época

Sobretudo depois da ditadura. Vencedor de dois Prêmios Esso, Ricardo Boechat passou pelas redações dos principais veículos de comunicação do país.

Sempre buscava o melhor ângulo da informação e estava sempre farejando os furos jornalísticos, aquelas notícias que nenhum outro jornalista ou veículo havia publicado! Uma grande perda, sem dúvida!

 

Defesa

Em breve declaração, enquanto visitava empresários de São Bento do Sul e as instalações do Centro de Inovação de Jaraguá do Sul (que, dentre outras novidades, tem a WEG como uma das empresas âncoras), Lucas Esmeraldino comentou que já conversou diretamente com o Governador sobre a relevância dos incentivos fiscais para a geração de competitividade, emprego e renda, que buscará consenso por meio de uma agenda propositiva e também reiterou que o Governo, por meio da Secretaria da Fazenda, já atua e analisa eventuais disparidades na concorrência.

 

FRASE

“Tenho a convicção de que, juntamente com Carlos Moises, nosso governador, sempre muito disposto ao diálogo e ao desenvolvimento das regiões, vamos reverter qualquer situação adversa neste sentido.” Lucas Esmeraldino, manifestando-se sobre a queda-de-braço entre governo e empresários acerca dos incentivos de ICMS.

 

Reforço

Acertada a decisão do governador Moisés da Silva, de abrir concurso com mil vagas para o ingresso na carreira da Polícia Militar e a prorrogação da Operação Veraneio até o próximo dia 11 de março. As duas medidas, de acordo com o Centro Administrativo, terão custo de R$ 5,4 milhões.

 

Esperteza

O MDB não vai fazer parte da base de apoio de Moisés da Silva no Legislativo. Mas deve continuar com cargos estratégicos, como a Secretaria da Fazenda. Paulo Eli deve se licenciar do partido para continuar na função! Trocando em miúdos: o partido fica no governo mas não assume compromisso de votar com o Centro Administrativo na Alesc.

Posts relacionados

Divisão de forças

Autor

Titanic faz água

Autor

Reformas na pauta B

Shirlei Demetrio