Blog do Prisco
Manchete

OAB/SC acompanha e cobra rigor na investigação de ataques racistas

Após tomar conhecimento dos ataques racistas e ameaças de morte contra a vereadora Ana Lúcia Martins, que no último domingo (15/11) alcançou a posição de primeira mulher negra eleita vereadora em Joinville, o Conselho Pleno da OAB/SC, acolhendo pleito do conselheiro estadual Lucas Hildebrand, referendado pela OAB Joinville, repudiou tais investidas preconceituosas que afrontam as liberdades e a democracia.

A OAB/SC informa que acompanhará as investigações acerca do crime com o auxílio da Subseção e das comissões estaduais de Igualdade Racial, de Direitos Humanos, da Mulher Advogada e de Direito Eleitoral, bem como cobrará agilidade e rigor na apuração. Nesta quinta-feira (19/11), a Seccional oficiou a Secretaria de Segurança Pública de Santa Catarina, requerendo prioridade na investigação dos fatos. As Comissões de Igualdade Racial e de Direitos Humanos de Joinville também acompanhando o caso.

A OAB/SC considera que ataques praticados contra uma representante eleita democraticamente em razão de sua raça ou de seu gênero devem ser repelidos e condenados, pois é um crime contra toda a sociedade e ofende diretamente os valores do Estado Democrático de Direito.

A Seccional Catarinense reforça a sua posição de velar pela higidez do processo democrático e rechaçar atos que tentem calar a voz da política. A OAB/SC acompanha o caso e espera agilidade na apuração e punição aos responsáveis envolvidos.

 

Posts relacionados

Operações internas de ICMS em Santa Catarina terão redução de 5%

Redação

O cenário em São José

Redação

Presos pagarão por tornozeleira eletrônica em SC

Redação