Blog do Prisco
Coluna do dia

Organização criminosa

Impressionantes e repugnantes as imagens de R$ 51 milhões encontrados em apartamento que teria sido emprestado ao notório Geddel Vieira Lima. Político profissional que foi ministro de Lula da Silva e voltou à esplanada pelas mãos do amigo Michel Temer. Na gestão Dilma, alojou-se numa diretoria da Caixa.

A bolada encontrada pela PF em Salvador, contudo, fica parecendo trocado diante da estarrecedora denúncia oferecida pelo ainda Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, contra Lula, Dilma, a senadora Gleisi Hoffmann (presidente do PT), os ex-ministros Paulo Bernardo (marido de Gleisi), Guido Mantega e Antônio Palocci, e os tesoureiros petistas João Vaccari Neto e Edinho Silva (que também foi ministro de Dilma).

O PGR acusa a turma de ter recebido (vamos colocar por extenso o número) R$ 1.500.000.000,00 – 1,5 bilhão – em propina. Foi entre os anos de 2003 e 2016.

Nos termos do próprio Janot, a quadrilha, que ele classificou de organização criminosa, é acusada de  “promover, constituir, financiar ou integrar, pessoalmente ou por interposta pessoa, organização criminosa”. O chefão, de acordo com a denúncia, é Lula da Silva, para quem a PGR pede a pena mais dura.

 

Suprapartidário?

Janot vai sair da PGR com a pecha de ter declarado guerra a Temer e ao PMDB. Amenizar essa imagem enviesada talvez tenha sido uma das motivações de Janot ao enquadrar o PT e sua cúpula. Segundo ele, o partido seria parte de uma organização que congrega ainda PMDB e PP. Ou seja, o procurador abriu bem mais o leque.

 

Contra o relógio

Janot tenta aparar as arestas que ficaram no seu mandarinato (e rever as benesses aos bandidos da JBS é essencial neste processo), correndo contra o tempo. Raquel Dodge, sua sucessora, assume no dia 17 deste mês. Como se sabe, ela já fez críticas duras ao acordo de delação da JBS.

 

Desqualificado

Impressionante o “nível” desse tal Joesley Batista. Que conversa sórdida, nojenta, entre ele o diretor Ricardo Saud. O sujeito é absolutamente desqualificado e desclassificado. Tem que ser preso o quanto antes, assim como o irmão e diretores do quilate desse Saud.

 

Respingo

Com a própria Procuradoria-Geral da República sob suspeita, as citações a Raimundo Colombo e Antônio Gavazzoni no novo áudio dos bandidos da JBS tiveram repercussão limitada e restrita. O governo do Estado emitiu nota afirmando que as doações eleitorais da companhia foram pela via legal, passando pelos diretórios nacional e estadual do PSD.

 

Armados

Deputado Maurício Eskudlark está comemorando decisão do governo do Estado. O Centro Administrativo acatou indicação feita pelo parlamentar e que vai possibilitar aos servidores do Instituto Geral de Perícias (IGP) o porte funcional de armas de fogo. A decisão é acertada. Principalmente nos tempos atuais e também porque era antiga reivindicação da categoria.

 

Exportações

A China quer ampliar a compra de carnes do Brasil e isso é uma boa notícia para o agronegócio catarinense. O anúncio foi feito pelo presidente chinês, Xi Jinping, ao ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi. Outra boa notícia para o agronegócio de Santa Catarina é a decisão da Índia. O país autorizou a importação de maçã do Brasil. SC responde por quase 70% da produção de maçã no país.

Posts relacionados

Prevenir é preciso

leander

A aposta de Chiodini

Autor

A volta de Júlio Garcia

Autor