Blog do Prisco
Coluna do dia

Os recados de Moisés

Governador Carlos Moisés (PSL) foi condecorado com a “Medalha do Pacificador”, concedida pelo Exército Brasileiro. Ao final da solenidade, ele concedeu entrevista e mandou vários recados ao presidente Jair Bolsonaro e seus aliados. Entre várias frases de efeito, Moisés disparou: “Governar é trabalhar para diminuir o sofrimento das pessoas. Não precisamos criar as guerras, eles já estão aí. Nossas batalhas são por infraestrutura, segurança.”

O bolsonarismo, incluindo-se aí sete deputados catarinenses e a vice-governadora, rompeu com o governador de Santa Catarina por divergências de posições administrativas, políticas e ideológicas.

Em Brasília, Bolsonaro ontem iria anunciar seu desembarque do PSL. Ainda não se sabe se o presidente e seu grupo vão criar um novo partido ou se vão buscar abrigo em legenda já existente. Neste caso, os deputados enfrentarão as dificuldades jurídicas para mudar de partido sem perderem seus mandatos.

Interinidade

Deputado Mauro de Nadal assumiu, ontem, de fato, a presidência da Assembleia Legislativa. Por 15 dias. O presidente da Casa, Júlio Garcia, recupera-se da cirurgia a que foi submetido no tornozelo direito, em Florianópolis. O procedimento cirúrgico foi muito bem sucedido e o presidente passa bem.

Micros e pequenos

O Simples Nacional é um regime tributário diferenciado para micro e pequenas empresas, que coloca em prática dispositivos previstos na Constituição Federal. Por tudo isso, causou estranheza e grande preocupação ao setor produtivo que, entre as recentes medidas econômicas anunciadas pelo governo federal, esteja o aumento das alíquotas do Simples Nacional. É inadmissível que a sociedade aceite de forma passiva qualquer tipo de aumento de carga tributária, em especial para as micro e pequenas empresas. Ponderações do presidente da Fampesc, Alcides Andrade, que é contrário às mudanças propostas para o Simples Nacional.

Skaf na ACIJ

A Associação Empresarial de Joinville (ACIJ) vai receber no dia 18 de novembro o presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Antônio Skaf. A agenda foi confirmada na sexta-feira, 8, aos membros da diretoria da entidade joinvilense.

Skaf também preside o Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp), que na América Latina detém a maior representatividade do segmento industrial.

Interesses difusos

Enganou-se redondamente quem achou que a soltura de Lula da Silva teria dois efeitos imediatos: unir a esquerda e unir a direita. Nem um coisa nem outra ocorreu. Enquanto Ciro Gomes, o presidenciável do PDT, soltou o verbo para cima do ex-mito petista, Jair Bolsonaro vai saindo do PSL, partido que alugou em 2018 para conquistar a presidência.

Bem na foto

A Eletrosul conquistou o troféu “500 Maiores do Sul”, considerado o mais importante ranking regional de empresas do Brasil. Nesta edição, a empresa sediada em Florianópolis (SC) e com atuação nos três estados do Sul ocupa a 22ª posição geral, figura como a 7ª maior de Santa Catarina e assume o 5º lugar na lista das maiores companhias de energia.

Golpe

Petistas, sentindo que a liberdade de Lula não abalou a política nacional como imaginavam, agora começam a falar em impeachment de Jair Bolsonaro. Golpe tem sido uma especialidade das esquerdas na América do Sul. Eles fazem como ninguém aquilo de que acusam seus adversários.

Posts relacionados

Décio suprapartidário

Autor

Eduardo e Udo

Autor

Bolo fatiado

leander