Blog do Prisco
Manchete

Parlamentares e líderes empresariais se unem por recursos federais

“Unir forças em prol de Santa Catarina” foi o que ressaltou o  coordenador do Fórum Parlamentar Catarinense (FPC), deputado Rogério Peninha Mendonça (MDB), durante o encontro com líderes empresariais de quatro Federações do Estado. Peninha destacou ainda que proporcionalmente, a bancada deverá ser a de maior apoio à reforma da previdência. Em compensação, o grupo quer que Santa Catarina receba mais investimentos do Governo Federal, principalmente na área de infraestrutura.

“Nós exigimos um reconhecimento do serviço que o Estado presta à Nação. Santa Catarina precisa de uma atenção especial, fazemos o nosso papel, cumprimos o dever de casa e somos penalizados por isso. Na hora do repasse, somos esquecidos. Por isso é tão importante estarmos aliados à força motor, que é representada pelos empresários, pela indústria e setor de transportes. Com todos alinhados nesta pauta, certamente teremos mais êxito”, argumenta o coordenador.

O presidente da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc), Mario Cezar de Aguiar, disse que o jantar com a bancada é uma oportunidade para conversar com os parlamentares sobre as reformas necessárias, como a da Previdência e também a Tributária.

“Estamos alinhados com a bancada catarinense. Nosso estado precisa de melhorias na infraestrutura, isso está prejudicando o nosso crescimento. É necessário aprovar as reformas com urgência para que se tenha um equilíbrio entre a arrecadação e despesas nas contas públicas, para que o governo federal volte a investir”, finalizou.

O encontro contou ainda com a presença do presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Santa Catarina (Faesc), José Zeferino Pedrozo; Bruno Breithaupt, presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Santa Catarina (Fecomércio) e Ari Rabaiolli, da Federação das Empresas de Transporte de Carga do Estado de Santa Catarina (Fetransesc), além do presidente da Associação Catarinense de Emissoras de Rádio e Televisão (Acaert), Marcello Corrêa Petrelli.

Posts relacionados

Projeto para oxigenar saúde nas mãos do governador

Redação

Sindifisco: “auditores estão sobrecarregados”

Redação

Morre Dimas Arnoldo da Silva, fundador do Grupo Dimas

Redação