Blog do Prisco
Destaques

Policiais contra a reforma previdenciária

Profissionais da Segurança Pública de todo o Brasil estão unidos para defender a manutenção da Aposentadoria Policial. Esse direito da categoria é um dos assuntos tratados na Proposta de Emenda à Constituição 287/2016, sobre a Reforma Previdenciária.

Os próximos dias terão um cronograma intenso de atividades em Brasília. Representantes do Sindicato dos Policiais e Servidores da Polícia Rodoviária Federal no Estado de Santa Catarina (SINPRF/SC), juntamente com o Sindicato dos Policiais Civis do Estado de Santa Catarina (SINPOL/SC), com a Associação dos Delegados de Polícia Civil de Santa Catarina (ADEPOL/SC) e a Associação dos Delegados da Polícia Federal em Santa Catarina (ADPF/SC) farão um corpo a corpo com deputados catarinenses para propor a discussão da aposentadoria dos profissionais da segurança pública em separado.

Policiais PEC 287 2

Caso a PEC 287/2016 seja aprovada nos moldes atuais, a “atividade de risco” das categorias policiais será excluída. “Apesar de todos os riscos que o policial está sujeito no exercício da função, ele precisará trabalhar por mais tempo até a aposentadoria e isso resultará em uma polícia brasileira envelhecida, complicando ainda mais a crise na Segurança Pública”, ressalta o Presidente do SINPRF/SC, Paulo Sérgio Machado.

As ações em prol da Aposentadoria Policial são organizadas pela União dos Policiais do Brasil – UPB, que não descarta uma paralisação nacional para chamar a atenção ao assunto.

Posts relacionados

Central de Captações e Aquisições da ACIJS adquire mais de 7 mil testes para diagnóstico da Covid-19

Redação

“Afronta aos cidadãos e merece repúdio”

Autor

João Rodrigues será candidato a prefeito e Caramori renuncia ao mandato em Chapecó

Autor