Blog do Prisco
Destaques Notícias

Presidente da Câmara é o favorito para mandato-tampão em Brusque

Presidente da Câmara de Vereadores de Brusque, Roberto Pedro Prudêncio Neto (PSD),  de 32 anos, deve assumir a prefeitura nas próximas horas. Paulo Eccel (PT) e Evandro de Farias (PP), o Farinha (PP), ainda não foram notificados sobre o afastamento determinado pelas cortes eleitorais em função da ausência da juíza da Comarca. Ela está na Capital.
De qualquer forma, as articulações para definir quem será o prefeito da cidade para o mandato-tampão (até o fim de 2016) já começaram.
O jovem pessedista que comanda a Casa e assumirá o Executivo com a missão de organizar o pleito indireto (quando os vereadores escolhem o novo prefeito) em 30 dias após a posse é oposição ao petista Eccel. Ganhou a presidência com apoio dos parlamentares do PP, partido do vice-prefeito Farinha, que rompeu com Paulo Eccel. O PP permaneceu no governo, mas na Câmara seguiu a orientação do vice.

CONTEXTO ADVERSO PARA PAULO ECCEL

Ou seja, o quadro é complicado para o petista, que também começa a se articular para fazer o sucessor enquanto o Supremo Tribunal Federal (STF) não se manifesta acerca do recurso impetrado pela sua defesa na suprema corte. Prudêncio ligou para o presidente estadual do PSD, deputado Gelson Merísio, procurando aconselhamento.
Ao seu estilo, Merísio foi taxativo. “Seja prudente, Prudêncio.”
É hora de esperar a poeira baixar e analisar o cenário. Mas evidentemente que o quadro inicial favorece a permanência do próprio Prudêncio na prefeitura.

DNA de Prudêncio

O presidente da Câmara e futuro prefeito interino de Brusque, Roberto Pedro Prudêncio Neto, é filho do desembargador aposentado Carlos Prudêncio (E na foto). O magistrado se notabilizou pela criação das urnas eletrônicas, hoje usadas em todo o país a cada dois anos.

Foto: Diplomata FM, divulgação

Posts relacionados

Candidatos ao governo respondem pergunta sobre turismo

Autor

Softplan é destaque na Revista Consultor Jurídico

Autor

Sine divulga quase 5 mil vagas de emprego em Santa Catarina

Redação