Blog do Prisco
Manchete

PSD e PL juntos também em Chapecó?

Atentos observadores estão achando muito estranho o silêncio do governador Jorginho Mello sobre o quadro eleitoral de Chapecó. Ele inclusive convidou e empossou o empresário Leandro Sorgatto (D), filho do ex-deputado Gelson Sorgatto, na presidência municipal do PL.

Em nenhum momento se falou que Sorgatto poderia ser candidato a prefeito.

O que se especula nos bastidores é que ele está mapeado para vice do PSD. Inclusive Leandro Sorgatto apareceu recentemente em fotos ao lado de João Rodrigues.

Então poderemos ter no Oeste mais uma coligação PSD-PL, como já está acordado em Florianópolis.

O que leva a crer que muito provavelmente Jair Bolsonaro fez um apelo a Jorginho Mello, provocado pelo próprio João Rodrigues, para não lançar candidato pelo PL na maior cidade do Grande Oeste.

Com o aceno de que o PSD poderia estar na chapa de reeleição de Jorginho Mello em 2026 numa das quatro vagas da majoritária.

Provavelmente com João Rodrigues ao Senado.

Isso tudo é visto com desconfiança em setores consideráveis do PL já que o PSD é governo Lula e em Santa Catarina seus líderes atuam nos bastidores contra o governador.

foto> Ivan Naatz (deputado estadual pelo PL), João Rodrigues e Leandro Sorgatto – Reprodução, redes sociais