Blog do Prisco
Image default
Destaques

PT e PSDB sintonizam discurso em favor da PM

Um resumo dos discursos dos deputados Leonel Pavan (D), tucano de quatro costados, e Dirceu Dresch, petista de carteirinha, mostra a convergência dos dois, que frequentam siglas inimigas nos planos nacional e estadual, quando o assunto é o incremento do efetivo da Polícia Militar de Santa Catarina. Confira o texto distribuído pela Agência Alesc. Na foto, um raro registro de interação entre os dois parlamentares.

Leonel Pavan e Dirceu Dresch

‘A queda continuada do efetivo da Polícia Militar levou os deputados a cobrarem do Executivo a convocação imediata de cerca de 600 aprovados no último concurso público. “No início do governo de Luiz Henrique da Silveira havia cerca de 13 mil policiais, hoje temos 10,4 mil e se nada for feito em 2016 teremos pouco mais de 9 mil policiais. Governador, chame os 608 policiais que estão concursados, não vejo porque postergar”, sugeriu Leonel Pavan (PSDB.
Dirceu Dresch (PT) concordou com o ex-governador. “Com o aumento da carga horária os policiais ou estão trabalhando, ou estão na escala de plantão, isso é um crime, estão transformando os policiais em escravos. Se falta gente, chame os concursados”, disparou Dresch. Cesar Valduga (PCdoB) declarou apoio aos concursados e se colocou à disposição para mediar um acordo com o governo. “Para buscar resolutividade”, informou.

Foto: Maurício Freitas, arquivo, divulgação

Posts relacionados

Geleia geral

Autor

TSE recebe representação do PT contra Globo, Faustão e Huck

Autor

Comin é empossado secretário de Estado

Autor