Blog do Prisco
Manchete

Segurança Pública de SC fica em 1° lugar na avaliação de ranking nacional de competitividade dos estados

A Segurança Pública de Santa Catarina foi classificada em 1° lugar na pesquisa nacional do Ranking de Competitividade dos Estados. A posição reforça estudos recentes que a destacam levando em conta os baixos indicadores criminais em relação aos demais estados do país.

O estudo foi realizado pelo Centro de Liderança Política (CLP), em parceria com as organizações Gove e a Seall, e avalia diferentes áreas. A divulgação dos resultados foi nesta quarta-feira, 23. No ranking geral com todos os indicadores, SC aparece em 2° lugar, atrás apenas de SP.

A avaliação feita no item Segurança Pública ressaltou Santa Catarina com destaque, por exemplo, para a segurança pessoal, patrimonial e qualidade da informação de criminalidade e a atuação do sistema de justiça criminal.

Segurança Pública recebe o maior peso (12,7%) entre 10 pilares temáticos que constituem o Ranking de Competitividade dos Estados. O pilar é composto por 10 indicadores. Por representar o crime que gera os maiores danos à sociedade, por seus índices alarmantes e por dispor das medições mais confiáveis, o indicador de Segurança Pessoal é o que possui a maior importância relativa.

:: Acesse aqui os detalhes do ranking

Secretário destaca investimentos e qualificação dos servidores

Para o secretário de Segurança Pública de SC Paulo Cezar Ramos de Oliveira, Santa Catarina apresenta os menores indicadores criminais do país, é reconhecida por isso em estudos recentes e o Governo do Estado vem fazendo sua parte, investindo forte na segurança pública.

“Apenas no começo de 2023 já foram aplicados mais de R$ 80 milhões em equipamentos para as forças de segurança. Estamos também investindo no aprimoramento da qualificação dos nossos servidores da área para melhorar ainda mais esses indicadores. Ou seja, com tecnologia, motivação e a integração teremos um futuro ainda melhor no setor de segurança em Santa Catarina”, projeta o secretário.

No primeiro semestre de 2023, as estatísticas criminais da SSP-SC apontaram queda em delitos como latrocínios (-70%) e roubos (-18,4%).

Um outro dado estatístico recente da SSP-SC em relação ao combate à criminalidade tratou do mês de julho de 2023, que registrou a melhor marca da série histórica (de 2008 para cá, quando os indicadores começaram a ser medidos) para o referido mês. Foram registrados em julho deste ano 37 homicídios. Até então, neste período da série histórica, as melhores marcas para o mês de julho haviam sido em 2013 e 2014, quando foram registrados 38 homicídios em cada mês.

Posts relacionados

PIB catarinense cresce 2,6% em 12 meses aponta Boletim Trimestral de Indicadores Econômico-Fiscais de SC

Redação

GAECO e GEFAC deflagram operação para investigar o uso indevido de prerrogativas profissionais por advogados na facilitação da comunicação entre detentos

Redação

O nome da direita

Redação