Blog do Prisco
Manchete

TRE-SC é destaque em ranking de sustentabilidade do CNJ

O Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina conquistou a 13ª colocação no Índice de Desempenho de Sustentabilidade (IDS) por tribunal, do Conselho Nacional de Justiça, referente ao ano de 2018.

O Índice está disponível no 3º Balanço Socioambiental do Poder Judiciário, levantamento feito pelo CNJ que avalia as práticas relacionadas à sustentabilidade adotadas pelos tribunais. De acordo com o Conselho, essa avaliação envolve três aspectos do desenvolvimento sustentável: o ambiental, o social e o econômico.

No total, 92 tribunais do país todo foram avaliados quanto a participações em ações de qualidade de vida, ações solidárias, ações de inclusão para pessoas com deficiência, consumo de papel, de copos descartáveis, impressão, energia elétrica, gastos com reformas, limpeza, destinação de resíduos, entre outros.

Para o juiz gestor de metas do TRE-SC, Vitoraldo Bridi, a boa colocação do TRE-SC “é uma evidência de que a Justiça Eleitoral em Santa Catarina prima por manter a atenção à eficiência e segurança de seus processos de trabalho em equilíbrio com a necessidade de perseguir objetivos mais amplos da sociedade, como a sustentabilidade ambiental, a transparência e a governança pública”.

Entre as práticas sustentáveis adotadas pelo TRE-SC nos últimos três anos estão a redução no consumo de papel e suprimentos de impressão, uso de papel reciclado, substituição de copos descartáveis por copos biodegradáveis ou dispositivos retornáveis e a sensibilização e capacitação dos servidores em educação ambiental.

Na comparação entre 2016 e 2018, foram poupados 1.302 folhas de papel e 672.700 copos plásticos. Isso, junto a outras ações, como por exemplo, a queda na quantidade de reformas, gerou uma economia de gastos públicos de R$ 1.201.173,53.

Todas as ações do TRE-SC referentes à sustentabilidade estão disponíveis no Anexo I, da Portaria P n. 141/2015, que instituiu o Plano de Logística Sustentável do Tribunal para o período de 2015 a 2020.

Posts relacionados

TCE autoriza e prefeitura relança edital para concessão do aeroporto de Chapecó

Redação

Mourão e Moisés têm encontro reservado

Redação

Toque de recolher em SC

Redação