Blog do Prisco
Image default
Manchete

Advogado afirma que prefeito de Ituporanga é inocente e maior interessado em apurar os fatos

Advogado de defesa do prefeito de Ituporanga, Marcos Fey Probst, enviou o texto abaixo com as considerações acerca da CPI do Lixo instaurada na cidade e a notícia veiculada no blog, indicando que o alcaide pode ser afastado pela comissão processante nesta segunda-feira, 11. Veja no https://www.blogdoprisco.com.br/prefeito-de-ituporanga-pode-ser-afastado-e-preso/
“Prezado Prisco,
Tomando ciência da notícia veiculada em seu prestigiado blog (https://www.blogdoprisco.com.br/prefeito-de-ituporanga-pode-ser-afastado-e-preso/), tomo a liberdade de encaminhar, na qualidade de advogado do Sr. Osni Francisco de Fragas (Lorinho), informações fidedignas sobre a situação envolvendo o Prefeito de Ituporanga.
De fato, foi instaurada no dia 25 de fevereiro uma CPI pela Câmara de Vereadores de Ituporanga, para apurar “os indícios de irregularidades nas licitações, contratações e durante a execução contratual das avenças firmadas com a empresa SAY MULLER SERVIÇOS LTDA. e demais empresas do grupo, para prestação do serviço público de coleta e transporte de lixo reciclável e não reciclável.” (Art. 1º do Decreto Legislativo n. 0380/2019).
Como se percebe pelo próprio ato que instaura a CPI, o Prefeito Municipal não é investigado pela CPI, mas, sim, o contrato celebrado pelo Município com a empresa Say Muller Serviços Ltda. Da mesma forma, não é objeto da presente CPI a apuração de fatos relacionados ao patrimônio do Prefeito Municipal, muito menos em relação ao mencionado apartamento em Balneário Camboriú, como consta da nota publicada.
Ademais, a partir das denúncias feitas pelo vereador Leandro May, o Prefeito Municipal determinou a instauração de inúmeras sindicâncias para apurar os fatos denunciados, bem como suspendeu o pagamento dos valores devidos à empresa ainda em janeiro de 2019, até apuração completa dos fatos. O Prefeito Municipal é o maior interessado no esclarecimento da verdade dos fatos apurados.
Por fim, em relação à denúncia do vereador Claudinei Eing, o Beleco, informa-se que na segunda-feira (11/3) será protocolada queixa-crime junto ao Poder Judiciário em face dos atos de calúnia, difamação e injúria praticados pelo referido vereador.
Prisco, em breve a verdade será restabelecida em Ituporanga. No caso concreto, o que se percebe é a disputa pelo poder municipal em completo desrespeito à população, que elegeu o atual Prefeito Municipal através de regular pleito eleitoral.”

Posts relacionados

Colombo presidente!

Autor

 16ª Cadeira de SC na Câmara ainda rende nos tribunais

Fabian Oliveira

Diretório Estadual do PT define ações de atuação do partido

Fabian Oliveira