Blog do Prisco
Destaques

Governo perdeu sustentação política e deve ser afastado, prevê Naatz

Às vésperas da sessão do Tribunal Especial de Julgamento do primeiro processo de impeachment, em que será votado o possível afastamento do governador Carlos Moisés (PSL) e da vice, Daniela Reinehr, nessa sexta-feira , na Alesc, o deputado estadual, líder da bancada do PL e da oposição , Ivan Naatz disse acreditar que a tendência majoritária deverá ser pelo afastamento.

Na visão do parlamentar , não há duvidas de que ao autorizar o pagamento da equivalência salarial dos procuradores do governo com os da Assembleia Legislativa sem lei autorizativa ou decisão judicial, o governador cometeu crime de responsabilidade. “Além disso, está sendo julgado pelo conjunto da obra, pois perdeu toda sustentação política. Desde a posse de Moisés não houve governo em Santa Catarina. A Assembleia até que ajudou o governo no primeiro ano. Mas tudo tem limite. E hoje chegamos a completa inexistência de governo”, afirmou Naatz.