Blog do Prisco
Notícias Últimas

Itajaí ativa sistema de tratamento de esgoto nos bairros mais populosos a partir de 29 de agosto

Itajaí deve dobrar a capacidade de tratamento de esgoto, a partir do dia 29 de agosto, com a inauguração do segundo módulo da Estação de Tratamento. A cerimônia oficial, que contará com a presença do prefeito municipal Volnei Morastoni, demais autoridades e comunidade, está marcada para 13h30.

O segundo módulo vai receber os efluentes gerados em 6425 imóveis residenciais e comerciais dos bairros São Vicente, Cordeiros e Cidade Nova, locais onde já estão instaladas as redes coletoras do Semasa. Isso representa parte dos bairros, chamadas de bacias. Nos últimos 15 dias, equipes técnicas realizaram diversos testes de vazão na rede para detectar possíveis vazamentos ou extravasamentos, antes que a operação seja autorizada. “Nenhuma anormalidade foi encontrada nas tubulações nem nas estações elevatórias. Podemos ativar o sistema com tranquilidade”, diz o gerente da área de Esgoto, engenheiro civil Gabriel Ramos da Silva. Cinco estações elevatórias fazem parte desse sistema e são responsáveis por bombear o esgoto até a ETE.

O avanço desta etapa significa que a rede coletora de esgoto chegará em 58% do território urbano. Atualmente, a rede coletora de esgoto em atividade tem 164 quilômetros de extensão, passando pelos bairros Praia Brava, Cabeçudas, Fazenda, Fazendinha, Centro e algumas ruas da Vila Operária. O sistema instalado na Murta ainda não entrará em operação.

Autorização para ligação do imóvel

Assim que o segundo módulo for ativado, proprietários de imóveis das ruas com redes coletoras receberão autorização imediata para ligação do esgoto informada na própria fatura. A lista das ruas pode ser consultada no site www.semasaitajai.com.br, no banner localizado na página principal.

O prazo para início da cobrança será de 60 dias, a partir da entrega do aviso na fatura. O valor do serviço de coleta, transporte e tratamento do esgoto corresponde a 80% do consumo de água. Além desta cobrança, haverá o custo da instalação da Caixa de Inspeção (CI), que poderá ser parcelada em até 10 vezes na fatura.

A ligação do imóvel na rede coletora, incluindo a caixa de gordura e caixa de passagem, é de responsabilidade do proprietário. Passado o prazo inicial para ligação, equipes do Programa É SÓ SE LIGAR iniciarão vistorias para verificar se os imóveis estão corretamente ligados. Dúvidas devem ser esclarecidas pelo WhatsApp do programa: 47 99265 6598.

Tarifa Social garante redução no valor

Mais de 900 imóveis inscritos na Tarifa Social do Semasa recebem o benefício de valores reduzidos em quatro faixas de consumo. O programa é um auxílio para famílias com renda per capita de até meio salário mínimo e cadastro no Cad Único. Para fazer o cadastramento, é necessário entrar em contato com o setor da Assistência Social, através do telefone (47) 3344-9000 (fixo e whatsapp).

Esgoto tratado favorece meio ambiente

O sistema do Semasa substitui a fossa e trata o esgoto com 98% de eficiência. “O resultado do tratamento é uma água clara, praticamente livre de impurezas, que é devolvida ao Rio Itajaí-Mirim na saída da ETE. É assim que Itajaí está cuidando dos seus recursos hídricos e preparando a cidade para o futuro, de maneira sustentável”, observa a engenheira sanitarista da estação de tratamento, Adriana dos Santos. O Programa É Só se Ligar tem papel fundamental para coibir despejos irregulares ou clandestinos de esgoto na drenagem pluvial ou rios.

O segundo módulo da ETE Cidade Nova entra em funcionamento menos de dois meses após a emissão da licença ambiental de operação por parte do Instituto de Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA-SC). Cada módulo recebe 130 litros de efluentes por segundo.

“O saneamento é coletivo por natureza, existe para o bem de todos e depende de muitos para ser concretizado. A cidade precisa compreender a necessidade do tratamento de esgoto para uma cidade desenvolvida e fazer as ligações dos imóveis corretamente”, alerta o diretor geral do Semasa, Diego Antonio da Silva.

Os investimentos para a concretização da segunda etapa do sistema de esgoto de Itajaí ultrapassaram R$ 28,5 milhões. O novo módulo da estação de tratamento custou R$ 7 milhões. Os demais recursos foram utilizados na implantação das redes coletoras de efluentes, sendo R$ 12,2 milhões para Cordeiros, R$ 4,4 milhões para São Vicente e R$ 4,9 milhões para Cidade Nova. Outros R$ 4,8 milhões foram aplicados na rede da Murta.

A Estação de Tratamento de Esgoto está localizada na Rua Otto Hoier, nº 455, bairro Cidade Nova. A cerimônia de inauguração do segundo módulo é aberta à comunidade.

Posts relacionados

Deputado Marcos da Rosa irá apoiar Professor Well em Itajaí

Redação

Cobalchini é o novo presidente do MDB-SC

Redação

Em 2022 ocorreram 836 vazamentos na rede coletora da Casan no Continente, aponta deputado Mário Motta

Redação