Blog do Prisco
Manchete

Merisio federado com o PSB e o PDT em SC?

Ex-deputado Cláudio Vignatti, que já foi do PT e hoje preside o PSB catarinense, esteve em Brasília esta semana com o presidente nacional dos socialistas, Carlos Siqueira (foto).

Em pauta, conversas para se formar a federação envolvendo o PSB, o PDT e o Solidariedade.

Em Santa Catarina, o ambiente é positivo para avançar na federação. O deputado Rodrigo Minotto acaba de ser anunciado como novo presidente do PDT Barriga-Verde, sucedendo o ex-ministro Manoel Maneca Dias, que ficou décadas na proa da sigla.

Minotto esteve nesta semana com o presidente nacional do partido, Carlos Lupi, que o confirmou no comando da sigla.

Vignatti e Minotto estão em sintonia. A incógnita é saber se o ex-deputado Gelson Merisio, que foi candidato a governador pelo PSD catarinense, e sempre militou publicamente na centro-direita, terá como novo projeto político uma federação partidária com socialistas e trabalhistas no estado.

Biruta de aeroporto

Merisio filiou-se ao Solidariedade no ano passado, depois de rápida e apagada passagem pelo PSDB. Foi o grande artíficie da Frente de esquerda catarinense, mas até agora não foi lembrado para absolutamente nada em termos de cargos federais no estado. Teria sido usado pelo projeto petista para ser descartado na sequência?

A curiosidade no mundo político é saber se é isso mesmo que Merisio pretende para seu futuro, ou se cogita voltar às origens políticas. A conferir!

Carlos Lupi, Ministro da Previdência Social e Rodrigo Minotto, deputado estadual

 

 

 

 

foto>Vignatti estava acompanhado do vereador de São José, Toninho Silveira (E), e do prefeito de Imbituba, Rosenvaldo da Silva Junior (entre Vignatti e Siqueira) – divulgação  

 

Posts relacionados

MPSC lança terceira edição do Prêmio José Daura

Redação

Jorginho Mello se reúne com o presidente da Assembleia da República de Portugal

Redação

Cobalchini assume presidência do MDB catarinense

Redação