Blog do Prisco
Image default
Notícias Últimas

Geovania comemora o primeiro parto no Hospital Santa Catarina

Ester nasceu pouco depois das 17 horas de ontem, com 3,092 quilos e 47 centímetros. A chegada dela ao mundo marca uma conquista para todas as mães de Criciúma e de 47 municípios atendidos pelo Hospital Materno Infantil Santa Catarina.
Difícil foi identificar quem estava mais feliz. Se eram os pais Daniele Vefago Soares e Odair José Peruchi ou a deputada federal reeleita Geovania de Sá (PSDB). Foi a emenda de quase R$ 2 milhões da parlamentar que oportunizou a aquisição dos equipamentos necessários para o funcionamento da ala materna do hospital, que compreende um centro com três salas cirúrgicas, uma sala de parto, um centro de parto normal voltado para o parto humanizado e um centro de material esterilizado, além de mais seis leitos de U.T.I. Neonatal.
foto>divulgação
“Agora somamos 13 leitos para melhor atender os recém-nascidos que precisam dos cuidados especiais”, relata o médico e responsável técnico Dr. Leon Iotti Neto. De acordo com ele, a partir de hoje, as mães ganham seus filhos e eles não precisam ser deslocados para receberem o atendimento necessário em outras unidades ou em outras cidades, como Araranguá, Tubarão e Florianópolis. “O deslocamento, por menor que seja, coloca em risco a vida do bebê e isso, agora, é passado. Podemos fazer tudo aqui”, explica Dr. Leon.
“A chegada de Ester no Hospital Materno Infantil Santa Catarina concretiza um sonho de 20 anos para a saúde de Criciúma e da região. Eu mesma, quando era secretária da pasta no município, de 2013 a 2014, lutei muito para chegarmos ao dia de hoje”, lembra a deputada que, atuando em Brasília, conseguiu indicar e entregar o recurso que de fato colocou o hospital em seu pleno funcionamento.
“O trabalho da deputada Geovania foi fundamental para o dia de hoje e a Ester e sua mãe foram os primeiros beneficiados”, aponta Dr. Leon. Ele ainda acrescenta que também a foi com a emenda de Geovania que o Hospital comprou os itens necessários para o Banco de Leite. “E este é o nosso próximo passo: inaugurá-lo e auxiliar as mães doadoras e os bebês receptores que, antes, só contavam com este serviço em Tubarão”, finaliza o médico.

Posts relacionados

CCJ aprova projetos que consolidam leis de SC

Autor

FGTS será liberado para famílias atingidas por tornado

Autor

FMC realiza seminários em Santa Catarina

Autor