Blog do Prisco
Destaques

Nelson Coelho abre mão do fundo eleitoral

Princípio do candidato do Patriota a prefeito de Joinville se alinha a vontade do cidadão: campanha política não usa dinheiro público

Nelson Coelho (Patriota) não usará nem um centavo do fundo eleitoral em sua campanha a prefeito de Joinville. A executiva municipal do partido decidiu que abre mão dos recursos federais para financiamento de campanhas políticas. A decisão é coerente com as propostas e os princípios que norteiam a vida, a carreira e o plano de governo de Nelson Coelho.
Atento aos sinais que resultaram na eleição de Jair Bolsonaro, Coelho diz que o não uso de dinheiro público em campanhas políticas é uma pauta já incorporada pela sociedade. Ou seja, levantar esse debate é uma exigência do cidadão, que quer uma política mais honesta e clara, e ele, como prefeito, tem o dever de ouvir o apelo popular.

“Nós queremos trazer essa discussão, não só na campanha. É uma discussão que nós, estando na prefeitura, provocaremos no parlamento joinvilense e estadual e nos representantes federais do Estado para começarem a pautar o tema. Temos que entender que o problema da corrupção não é a empresa que financia o candidato, é o candidato que é corrupto”, observa Coelho.
Sem o fundo eleitoral, a coligação Joinville Acima de Todos promove na internet um financiamento coletivo – a famosa “vaquinha” – entre os simpatizantes (https://contribua.essentjus.com.br/nelsonhenriquecoelho). Um dos objetivos é apresentar as propostas de governo a um público com mais acesso às mídias tradicionais. As redes sociais, claro, não serão esquecidas, mesmo porque elas tiveram papel fundamental na vitoriosa campanha de Jair Bolsonaro à presidência.

“Foi uma coisa que veio da alma. Somos do mesma ideário do Bolsonaro, mas não vamos conseguir fazer com o que o cidadão tenha a mesma paixão. E aí você precisar comunicar bem, ser claro. Porque as raposas estão aí, nas mais variadas matizes, e temos que romper com isso”, aponta Coelho.

* Foto divulgação

Posts relacionados

IP SUL assina contrato de PPP da iluminação pública com a prefeitura de Porto Alegre

Redação

Almir Gorges deixa a Fazenda estadual

Autor

Santa Catarina tem a menor taxa de desocupação do país em junho, aponta IBGE

Redação