Blog do Prisco
Notícias Últimas

Lamachia foi primeiro a defender homologação

Ainda no velório do ex-ministro do STF, Teori Zavascki, no sábado (21), o presidente do Conselho Federal da OAB, Claudio Lamachia (foto), defendeu a tese de que a presidente da Suprema Corte, Cármen Lúcia, deveria homologar os acordos de delação premiada firmados por executivos e ex-executivos da Odebrecht. O advogado estava deveras preocupado com o futuro das investigações e, como se viu nesta segunda-feira, levantou a tese, em primeiríssima mão, que foi adotada pela presidente do Supremo. No domingo (22), um dia após o sepultamento de Teori, Lamachia assinou nota pública argumentando em favor deste encaminhamento. Bela emplacada da OAB nacional, que tem entre seus conselheiros o catarinense Tullo Cavallazzi Filho, ex-presidente da seccional estadual da Ordem. Tullo tem excelente relação com o presidente nacional. 

Claudio Lamachia homologação

Posts relacionados

Moacir Pereira lança “Norberto Ungaretti: espírito iluminado”

Redação

Tecnologia moderniza processos das prefeituras brasileiras

Autor

Medidas de contenção de despesas na Assembleia – SBT MEIO-DIA

Autor