Blog do Prisco
Manchete

Oportunismo e irresponsabilidade fiscal: os passos equivocados da Alesc

O texto abaixo é do movimento Reage SC, composto por 13 entidades estaduais. Confira:

“A Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina se apequenou ao dar prosseguimento ao Projeto de Lei Complementar nº 16 de 2021. Em um momento de calamidade, no qual o poder público deve reunir esforços para diminuir gastos, a ALESC caminhou no sentido contrário, avançando com um projeto que concede benefícios previdenciários para os seus próprios deputados e para a elite do funcionalismo — privilegiando aqueles que mais recebem, em detrimento da vasta maioria que paga a conta.

Além de inoportuno e injusto, o projeto denuncia o oportunismo de alguns deputados, que, diante dos holofotes, aprovaram a reforma da previdência estadual, mas no apagar das luzes tentam incrementar seus próprios benefícios. Oportunismo, inclusive, simbolizado na pressa em retomar a discussão: o parecer foi lido na sessão de hoje e já deve ser discutido amanhã.

As entidades signatárias repudiam o projeto e o oportunismo com o qual alguns deputados conduziram a matéria. Ainda, a Associação Empresarial de Florianópolis (ACIF) convoca o parlamento catarinense a afirmar um compromisso definitivo com a responsabilidade fiscal e isonomia republicana para que se rejeite o Projeto de Lei Complementar nº 16 de 2021.

Atenciosamente,

ACIF – Associação Empresarial de Florianópolis

ACIL – Associação Empresarial de Lages

ACIM – Mafra

ACIRS – Associação Empresarial de Rio do Sul assina junto

ACISMO – Associação Empresarial de São Miguel do Oeste

AECF – Associação Empresarial de Coronel Freitas

AEI e CDL de Itaiópolis

BANCO DO EMPREENDEDOR

CDL-  Rio do Sul

CDL – Xanxerê

SEINFLO – Sindicato das Empresas de Informática da Grande Florianópolis

SINDILOJAS – Brusque

SINDILOJAS – Itajaí

SIRECOM – Vale Europeu Blumenau SC”